Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Quatro-Quatro-Dois



Quarta-feira, 16.01.13

Algumas considerações gerais acerca do Clássico...

 

1) O resultado aceita-se perfeitamente. Se foi bom ou mau para qualquer dos clubes só lá mais para a frente se verá…

 

2) Apesar de não estar absolutamente cheio, o Estádio da Luz teve mais de 60.000 espectadores. De louvar em época de crise…

 

3) Se o Jesus fala mal é bronco…se fala bem é porque vai para o Porto. Teve uma boa análise do jogo e um comportamento elevado e de quem percebe de futebol…

 

4) Eu acho que o Jesus vai para o Porto…

 

5) Eu acho que o Vitor Pereira também acha (ou sabe isso) o que per si explica a alarve conferência de imprensa que promoveu na Luz…

 

6) Se o Vitor Pereira já sabia que o Benfica joga sempre da mesma maneira, ao afirmá-lo e ao não ganhar o jogo passou um atestado de inaptidão a si próprio..

 

7) Foi pertinente a questão de Pinto da Costa acerca do site da Liga anunciar vitória do Benfica por 3-2… Não percebi o seu descontentamento… certamente foi alguém do Sporting (ou do Arsenal como o outro jornalista) a colocar os dados online. Não estaria a ver o jogo. Não era do Benfica.

 

8) O Ismaylov é de um carácter execrável…

 

9) O Maxi deveria ter sido expulso…e o Moutinho também…

 

10) O Artur anda a comer gelados com a testa…

 

11) Em vez de Aimar (ou Martins) deveria ser André Gomes a entrar…

 

12) Porque não convocaste o André Gomes, Jesus?

 

13) De acordo que o João Ferreira não é o melhor árbitro nacional…mas já vi o melhor árbitro  Mundial validar um golo fora de jogo no mesmo palco e com os mesmos protagonistas…E agora?

 

14) No final disto tudo quem goleou foi o Vieira com a tirada de “apenas os burros falam de arbitragem”… Mas como é o Vieira não é a “fina ironia”… 

 

Em Coimbra já há Jorge Sousa... e o Burro sou eu?

Autoria e outros dados (tags, etc)

rematado por Ricardo às 13:39




Pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Visitas